22 de agosto de 2011

Alto índice de Anemia Infantil no Município de Jordão - Acre

"Prevalência de anemia entre crianças com idade pré-escolar é de 57,3%, um valor quase três vezes acima da média nacional (20,9%) e mais de cinco vezes superior à média observada na região norte do país (10,4%). " 
Evandro Ferreira  - Blog Ambiente Acreano 




A anemia é a carência nutricional mais prevalente no mundo, afetando 24,8% da população mundial, especialmente crianças (47,4%), gestantes (41,8%) e mulheres em idade fértil (30,2%), sobretudo em países em desenvolvimento. No Brasil ela ainda é considerada um grave problema de saúde pública entre crianças com idade pré-escolar (até 5 anos). Dados da Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher realizada em 2006 mostram que a prevalência da anemia no país era de 20,9%, com a região Norte apresentando o menor índice (10,4%) entre as macrorregiões pesquisadas. Em populações indígenas, entretanto, as prevalências de anemias ainda são muito elevadas, com proporções superiores a 60%. 

As mudanças favoráveis dos indicadores de saúde e nutrição infantil observadas no Brasil nos últimos anos não se deram de forma homogênea entre as regiões e a prevalência da desnutrição infantil ainda permanece alta na Região Norte (14,7%). No Estado do Acre, a grande maioria dos municípios possui estimativas muito altas de prevalência de desnutrição infantil, destacando-se o Município de Jordão com as piores estimativas de prevalência de desnutrição segundo o indicador de déficit de estatura para idade (44,6%). Segundo o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), o Índice de Desenvolvimento Infantil (IDI) na Região Norte é bem mais baixo (0,56) que o observado nas regiões Sul (0,75) e Sudeste (0,78). Foi em razão da escassez de estudos sobre a prevalência e fatores associados a distúrbios nutricionais na Região Norte do país, sobretudo em áreas de difícil acesso, que pesquisadores da Universidade Federal do Acre e da Universidade de São Paulo resolveram analisar a prevalência de anemia e fatores associados no Município de Jordão, um dos mais pobres e isolados do Acre. 


Leia mais aquí

2 comentários:

Marcio Pinheiro disse...

Prezado
fico entristecido por saber que as mensagens são filtradas e precisa receber aprovação do autor do blog.

Logo percebo que não é um blog de influência comunitária.

O mais interessante são os textos usados para transmitir informação(com vulgarismos).

Então, fica registrado minha critica construtiva.

Meu nome é Marcio Pinheiro.

Trabalho com Marketing. Se hover interesse o número do meu telefone é 68-84245636.

## FALA JORDÃO ## disse...

Meu Caro,
Não vejo motivo para sua tristeza, já que estou utilizando um recurso do blogger que muito é utilizado pelos demais, uma vez que qualquer pessoa pode acessar o mesmo e expor idéias não muito proveitosas.
Agradeço sua preocupação, porém, não sou jornalista, apenas senti a necessidade de divulgar para o povo um pouco sobre este município tão esquecido. Pra você ter idéia, recebo DIARIAMENTE elogios por este blog sem influência comunitária, uma vez que você foi o primeiro a fazer sua CRÍTICA CONSTRUTIVA. Mas já aguardava isso, tentarei melhorar para que TODOS possam ficar satisfeitos. Um abraço.